dica-de-seguranca-wordpress-miltondesign

Há uma variedade de sistemas de gerenciamento de conteúdo (CMS) que pode satisfazer muitas das necessidades dos seus sites, porém, o WordPress é geralmente recomendado como a principal plataforma de publicação. Com a popularidade vem a vulnerabilidade e sites do WordPress são normalmente aberto para todos os tipos de potenciais ataques de hackers, spammers e outros usuários mal-intencionados na Internet que tentam comprometer a segurança de seu ambiente de WordPress.




Abaixo nós compilamos algumas dicas valiosas para proteger o seu site WordPress permitindo-lhe adicionar várias camadas de segurança para o seu site.

Atualização WordPress

Sempre que sair uma versão nova atualize o mais rápido que puder, não esquecendo de verificar a compatibilidade dos plugins com a nova versão. Mais atenção: Sempre aguarde a correção de todos os bugs para então fazer a atualização. Isto vai poupar muitas dores de cabeça como falhas que não tenham sido explorados em grande escala.

Sinceramente falando, nada justifica não atualizar o seu WordPress, por isso, se você tem uma instalação do WordPress, que tenha pelo menos duas versões anteriores, atualize-o o mais breve possível. Isso demora apenas cerca de 5 minutos de acordo com o WordPress, não esqueça antes de fazer uma cópia do seu banco de dados do WordPress.




Faça BackUp do seu banco de dados MySQL com regularidade

Ele deve estar no topo da sua listas de tarefas, fazer backup dos arquivos do seu site e banco de dados. Regularmente faça backup de seu banco de dados MySQL, exportando seus dados MySQL como um arquivo com a extensão . sql armazenado em um local seguro, pode ser em um disco virtual, por exemplo.

Se desejar faça o download de um plugin para automatizar seus backups. Os plugin fornecem opções para automatizar o seu backup em intervalos de uma hora, diária, semanal e mensal. Você pode encontrar uma grande variedade de ferramentas que pode utilizar para a automação do backup de banco de dados, seria interessante explorar essas ferramentas e fazer uma seleção baseada no desempenho global e eficácia.




Usando uma senha forte

Usando uma senha que só é fácil de lembrar e não oferece nenhuma forma de estrutura complexa é uma das principais razões do seu site WordPress poder ser hackeado. Uma senha segura é provavelmente uma das etapas preventivas mais negligenciada que você pode tomar para melhorar a segurança da instalação do seu WordPress.

Conexões seguras para suas páginas de administração do WordPress

Outra técnica que lhe permitirá aumentar a segurança de seu site é registrando em seu painel de administração do WordPress através de conexões criptografadas SSL. Se o seu host não inclui um Certificado SSL juntamente com o seu plano, ele não vale o seu investimento. Assim como você obteve a sua conexão SSL, execute as suas sessões em https:// em vez de http:// protocolos forçando conexões SSL em páginas relacionadas a administração e funções.

Você também terá que acessar o wp-config arquivo e insira o seguinte código:

define(‘FORCE_SSL_ADMIN’, true);

Escondendo a sua versão atual do WordPress

Diversos desenvolvedores do WordPress muitas vezes gostam de exibir a versão atual do WordPress em seu código fonte. Por ter esta informação disponível ao público torna mais fácil para os hackers explorarem possíveis vulnerabilidades conhecidas para a versão específica WordPress. Para remover isto do seu código-fonte você terá que acessar o seu tema de header.php arquivo, procure a sequência de código que é semelhante ao seguinte bloco de código e depois removê-lo:

escondendo-a-versao-do-wordpress-milton-design

 

Usando SFTP ao invés de FTP

Ao contrário do que muitos acreditam FTP não é tão seguro quanto se pode pensar. Ao utilizar uma aplicação FTP para se conectar ao seu site, você está simplesmente enviando sua senha em texto simples e legível a cada vez que você entrar no seu site. Se um hacker “ouvir” ou interceptar essa informação, não seria uma tarefa difícil para eles terem sucesso através do seu FTP.

Você pode corrigir esse problema começando a usar o Secure File Transfer Protocol (SFTP) em vez de FTP a partir do momento em que você decidir acessar seu site. Se o seu host não oferece isso por padrão, então tudo que você precisa fazer é pedir a sua empresa de hospedagem que número da porta para usar para que o SFTP para ter efeito, altere as configurações em seu aplicativo FTP.

Com essas simples dicas você aumenta a segurança da sua instalação WordPress.

Precisando de ajuda para aumentar a segurança da sua instalação WordPress, faça contato, teremos a maior satisfação em auxiliá-lo(a).

Gostou do post? Comente, curta e Compartilhe.

Precisando de ajuda? Clique aqui, podemos te ajudar.

 

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *