29 ideias para ser mais criativo(a)

 

Criatividade é uma das maiores capacidades do ser humano e a imaginação é a sua melhor ferramenta. O conceito de criatividade pode variar conforme o contexto em que se encontra e tem vários significados, mediante a atividade humana que esteja ligada a ele. Então criatividade é a qualidade ou característica de quem é criativo, podendo ser conceituada como: inventividade, inteligência e talento, natos ou adquiridos, para criar, inventar, inovar, quer no campo artístico, quer no científico, esportivo etc.

No site SIGNIFICADOS encontramos:

“Criatividade é o substantivo feminino com origem no latim creare, que indica a capacidade de criar, produzir ou inventar coisas novas. … Ser criativo(a) é “think outside the box” (expressão em inglês que significa pensar fora da caixa), ou seja, pensar de forma diferente.”

No site SINPROLONDRINA encontramos:

Criatividade é um elemento essencial no contexto do trabalho. Nas empresas, os funcionários criativos são muitas vezes recompensados, porque conseguem pensar em soluções eficazes para diversos problemas. A criatividade frequentemente resulta em soluções que permitem à empresa economizar ou criar produtos que aumentam o seu lucro.”

Abaixo listamos algumas ideias para você ser mais criativo(a):

  • Faça listas
  • leve um caderno de anotações para todo lugar
  • rabisque livremente
  • fique mais tempo longe do computador
  • pare de quebrar a cabeça
  • faça pequenas pausas
  • cante no chuveiro
  • tome um café
  • ouça mais música
  • seja uma pessoa aberta
  • esteja sempre cercado(a) de pessoas criativas
  • receba feedback
  • seja colaborativo(a)
  • não desista
  • pratique, pratique, pratique
  • permita-se cometer erros
  • vá a lugares novos
  • conte seus acertos
  • tenha momentos de descanso
  • corra riscos
  • quebre regras
  • não force coisas
  • leia sobre assuntos novos
  • pinte um quadro
  • pare de tentar ser uma pessoa perfeita
  • escreva todas as ideias que você tiver
  • limpe o seu espaço de trabalho
  • divirta-se mais
  • termine logo

As ideias acima, bem como muitas outras que existem, te ajudarão a quebrar as “amarras” que te impedem de ser mais criativo(a). Pense nisso.

Gostou do post? Comente, curta e Compartilhe.

Precisando de ajuda? Clique aqui e saiba como podemos te ajudar.

33 Pacotes de Pincéis Variados Para Photoshop

Você está precisando de pincéis especiais para os seus projetos/trabalhos em Photoshop? Abaixo você encontrará uma coleção que poderá te auxiliar no que você está procurando.

Textura de Pele


Por KeepWaiting



20 Pincéis


Por Kikariz

Pincéis Florais


Por GraphicIdentity

 



Pincéis de Fogo


Por redheadstock

 

Rabiscos Urbanos


Por InvisibleSnow

 

Pincéis Para Desenho de Água


Por redheadstock

 

Pincéis Para Maquiagem – Olhos (Sombra)


Por redheadstock

 



Pincéis de Pelagem


Por KeepWaiting

Pincéis de Texturas Variadas


Por AlectorFencer

 

Pincéis para Desenho de Cílios


Por redheadstock

 

Pincéis de Centelhas


Por redheadstock



Pincéis de Xadrez


Por myluckystars

Pincéis Sujos (Grunge)


Por 123photoshopbrushes

 

Pincéis de Relâmpago


Por redheadstock

 

Respingos de Tinta


Por DarthEldarious

 

Tipografia Suja


Por Scully7491

Asas


Por ruby-proudfoot

 

Sakura (cerejeira)


Por Laiyee

Planetas


Por Sunira



Ondas


Por darkmercy

Rastros de Tinta


Por ka05

 

Penas


Por Debi-Chiru



Galáxias e Nebulosas


Por Sunira

 

Espaciais


Por redheadstock

Aves


Por thiselectricheart

 

Fumaça


Por Falln-Brushes

23 Pincéis Variados


Por yumedust

 

Imagens Urbanas


Por afeaugas

Cool


Por XxMortanixX

Impressões Digitais


Por chain

Tattoos


Por Blackheartedwolf

 

Urbanos 2


Por partyboy9289

 

Castelos


Por cosmos-Resources

Gostou do post? Comente, curta e Compartilhe.

Precisando de ajuda? Clique aqui e saiba como podemos te ajudar.

Você sabe o que é SCAMPER?

SCAMPER

É um técnica que visa estimular o pensamento criativo orientado. O nome da técnica é um acrônimo originado da iniciais de sete operadores da técnica: Substituir, Combinar, Adaptar, Modificar, Procurar outros usos, Eliminar e Rearrumar, visando explorar de diferentes maneiras a transformação de um objeto, sistema ou processo. Esses operadores funcionam como possíveis soluções genéricas e as pessoas são levadas a pensar em soluções mais específicas. Seu uso é adequado quando se precisa de melhorias ou mesmo criar novos objetos, sistemas ou processos a partir dos já existentes.



A técnica usa um conjunto de perguntas direcionadas a respeito de um problema com propósito de gerar novas ideias, que normalmente não ocorreriam. O quadro abaixo apresenta algumas perguntas, mas não esgota a lista de possibilidades que podem ser exploradas.

A Técnica

scamper-tecnica-milton-design

Gostou do post? Comente, curta e Compartilhe.

Precisando de ajuda? Clique aqui e saiba como podemos te ajudar.

O que pode estar atrapalhando seus negócios

As quatro regras de ouro para NÃO gerar negócios na internet

1) Jogue tudo na mão do “sobrinho”

Como não sai da frente do computador, ninguém melhor do que ele para fazer o site da empresa, não é mesmo? Acontece que a construção de um site há muito tempo deixou de levar em conta apenas a capacidade de chamar a atenção com animações, músicas e outras pirotecnias. Para ser capaz de gerar oportunidades, hoje é preciso levar em conta a “usabilidade”, ou seja, a facilidade e a praticidade em acessar o conteúdo que se deseja sem ter de ir de lá para cá ou ter a atenção desviada. Quanto melhor for a usabilidade, maior será a chance das pessoas que visitam o site de se concentrar no que realmente interessa.

Se você vai deixar o site da empresa na mão do seu sobrinho, assegure-se que ele conheça este conceito.

2) Transforme o site na versão eletrônica do seu folder comercial

Um site hoje pode ser equipado com uma série de recursos, de acordo com a finalidade desejada. Se a intenção é apresentar a empresa, produtos e serviços, é possível fazer uso não só de textos e imagens mas também de áudio (podcasts), vídeos e apresentações em slides. Se a ideia é facilitar a comunicação com os consumidores e clientes, pode fazer uso de e-mails, formulários e chats. Limitar o site da empresa a uma versão eletrônica do seu folder comercial é como dispor de um moderno smartphone, equipado com os mais diversos recursos, e só utilizá-lo para fazer algumas chamadas.

3) Quando o site estiver no ar, esqueça-se dele

As empresas despendem grande esforço para desenvolver o seu site e, quando finalmente ele fica pronto, simplesmente parecem esquecê-lo. Na velocidade em que acontecem as coisas na internet, as informações se desatualizam, surgem novos recursos e tecnologias e num espaço de tempo mais curto do que se imagina o site antes novo e moderno parece ter sido feito há décadas. Para os clientes e prospects que o visitam, é como se a própria empresa tivesse parado no tempo.



Por esse motivo, manter o conteúdo sempre atualizado e estar atento às tendências de layout e usabilidade é essencial não só para a manutenção do site, mas para a própria imagem da empresa no mercado.

4) O site é a própria propaganda, não gaste mais dinheiro com isso

É comum se pensar que o site é a propaganda da empresa, por isso não há necessidade de se divulgá-lo. Na verdade, ter um site é garantir o seu espaço em um imenso mercado chamado internet que, como em outros mercados, possui milhares de empresas também competindo pela atenção dos potenciais clientes. De pouco adianta ter produtos diferenciados, apresentados em um site moderno e atualizado, se poucos sabem que ele existe.

O avanço da rede de computadores passa a ocupar um papel central nas interações sociais e em nosso dia a dia. Estar inserido na internet aumenta as possibilidades de bons negócios entre empresas e clientes.

fonte web: http://www.administradores.com.br

Gostou do post? Comente, curta e Compartilhe.

Precisando de ajuda? Clique aqui e saiba como podemos te ajudar.

Porque Refazer Seu Site? Para Melhorar o SEO

Se o seu site foi feito há mais de cinco anos, com certeza ele corre um sério risco de não ser responsivo e em muitos casos, ultrapassado ou simplesmente você está amadurecendo e conhecendo melhor, a cada dia, os visitantes de seu site, desta forma nada mais justo do que refazer seu site para atender esses novos clientes

Então, talvez seja a hora de adequá-lo ao que você descobriu do seu novo público ou porque percebeu que na última atualização do Google o seu site perdeu várias posições. Sendo assim é hora de botar a mão não massa e recuperar o tempo perdido.

Como está a concorrência?

O que pesquisamos nos mecanismos de busca? informações de produtos, serviços, empresas etc., e isso se tornou muito fácil e integrado no dia a dia das pessoas e, com um clique, temos um novo visitante em seu site. E a sua concorrência com vai? Certamente refazendo o site.

Gaste um pouco de tempo analisando, estudando, os sites da concorrência. Esta é uma tarefa muito importante antes de começar a refazer seu site. Lembre-se que: Os visitantes mudam de conceito ou opiniões, a respeito da empresa, a partir do site.

O site não reflete o que o seu visitante esperava encontrar.

Quando o visitante clica em um link na ferramenta de busca, espera ter a sua necessidade atendida em uma das opções apresentadas pelo buscador, então, quando um visitante entra no seu site ele espera encontrar o que procurava, se encontra, o design agradável a quantidade de conteúdo relevante, faz com que ele fique navegando nos links na página, tornando a visita uma experiência agradável.



Então, como está o seu site nessa questão, oferece aos seus visitantes o que ele procura? Peça a pessoas que não tenham ligação com o seu site, não vale amigos ou familiares, pois esses acham tudo maravilhoso, analisarem o que vêem. Se a analise não for boa, não exite, parta para refazer seu site, nem que seja do zero.

Como atrair mais visitantes?

Todos os dias milhares de pessoas passam a usar a internet para realizar várias tarefas: pesquisa, entretenimento, laser, compras etc. Se a pessoa nunca ouviu falar no seu site, como espera que ela chegue até ele, e conheça seu conteúdo, seus serviços ou sua empresa?

Sem pagar por publicidade no Google, por exemplo, podemos levar novos visitantes para o seu site, a partir de uma boa estratégia de Conteúdo, visando SEO (search engine optmization), que se bem trabalhado, eleva o posicionamento do seu site.

Então, verifique se o objetivo de seu site está especificado corretamente nos mecanismos de busca. Reformule as palavras-chave e surpreenda os visitantes, que um dia já passaram por seu site, se deparem com um novo site.

Faça seu site mais fácil de usar, ajude os visitantes a encontrar o que precisam.

Navegação do site ou blog tem que ser simples e rápida. Mantenha o mesmo padrão visual nas páginas internas: cores, fontes e posicionamento dos objetos, para que os olhos do visitante não tenham impacto entre uma página e outra como se estivessem mudando de site, desta forma você torna a navegação mais agradável e o visitante passa mais tempo no seu site.

Outro detalhe – cuidado com os caminhos longos, ou seja, se o seu site faz o visitante navegar mais de duas páginas para encontrar o que precisa, ele tem problemas. Poupe cliques de seu visitante, seja objetivo. Reformule a estrutura do site, veja se não há páginas que podem ser eliminadas ou mesmo conteúdos que possam estar desatualizado.

Comunicação mais eficiente e assuntos relevantes

Refazer seu site não é apenas mudar o layout (design) e reposicionar os assuntos nas páginas, atualizar conteúdos, rever políticas de SEO etc. Tenha em mente que melhorar o layout e a navegação pode atrair e segurar mais tempo o visitante em sua página, mas para a reformulação ser eficiente o conteúdo precisa caminhar junto com estas mudanças. Pense bem, conteúdos são tão perecíveis quanto os layouts na internet.

Gostou do post? Comente, curta e Compartilhe.

Precisando de ajuda? Clique aqui e saiba como podemos te ajudar.

Internet sua aliada para o sucesso

Com o crescimento atual da internet e mais ainda a popularização das redes sociais, nossos negócios ganharam um aliado muito importante, uma vez que a web se tornou um importante canal de comunicação entre o negócio e os consumidores, otimizando os recursos de atendimento ao cliente. Isso permitiu ao navegante poder falar o que quer e o que pensa sobre produtos e empresas e se as empresas não estiverem preparadas, poderão transformar esse aliado em “inimigo”.

Aspectos como webdesign, usabilidade, monitoramento de redes sociais e acessibilidade, devem ser levados em consideração, sem perder o seu foco do negócio, mas direcioná-lo para o usuário (cliente), que é o seu maior patrimônio.




Na questão da usabilidade o site deve transmitir as informações com rapidez sem obstáculos nem incômodos, aumentando o grau de satisfação. Um bom projeto da arquitetura de informação; navegabilidade clara; rapidez no carregamento da página, são alguns dos itens que podem melhorar a usabilidade.

Na questão do monitoramento de redes sociais, significa estar atento ao que o usuários “fala” sobre os seus produtos ou serviços. E, quando o “comentário” não for favorável, estar pronto de imediato para fazer as devidas correções, dando satisfação a esse e outros consumidores.

Na questão da acessibilidade, essa não está ligada apenas aos deficientes visuais, mas a todas as pessoas com algum tipo de limitação: física, visual ou cognitiva. Além desse público a acessibilidade diz também a acesso através de outros formatos como: celulares, palms, Tablets, ou mesmo outros sistemas operacionais, navegadores etc.

Ter um site  que atenda aos conceito, acima citados,  garante inúmeras vantagens às empresas. Entre elas o aumento de usuários; aumento de visibilidade em buscadores (Google, Yahoo etc); fácil acesso ao site e maior valor agregado a marca.

Então, se o seu site não atende aos seus objetivos, nós da MDesign estamos pronto para ajudá-lo faça um contato, teremos o maior prazer em ajudá-los.

Gostou do post? Comente, curta e Compartilhe.

Precisando de ajuda? Clique aqui e saiba como podemos te ajudar.

Quer vender mais com as dicas do Google

A gigante de Mountain View  (Google) divulga sempre uma série de boas práticas e princípios de design para desenvolvedores de aplicativos para o Android que são válidos para qualquer site, inclusive para sua loja virtual, uma vez que esses princípios são resultado de muita pesquisa e investimento em usabilidade e design de interação.

Se partirmos da premissa de que uma loja gera mais vendas se proporcionar uma boa experiência de compra, tiver uma curva de aprendizado pequena e, principalmente, se permitir que o cliente encontre o produto e finalize o processo de compra o mais rápido possível, posso afirmar que, seguindo à risca as dicas do Google, sua loja venderá muito mais. (É claro que outros fatores também contribuem para o sucesso das vendas, como preço, produto, plataforma e a divulgação da loja, mas como isso varia muito de loja para loja, vamos nos focar apenas na usabilidade.)

As dicas a seguir foram divididas em 2 conceitos fundamentais: Forma e Função.

Forma

A beleza não está apenas no design da sua loja. Para que ela seja encantadora, é preciso pensar em efeitos de transição, no tamanho correto das fontes e em uma boa diagramação. Pense na combinação perfeita entre beleza, simplicidade e propósito para oferecer uma primorosa experiência de compra ao seu cliente.

1- Pense nas fontes

Escolha fontes de fácil leitura e use o tamanho apropriado para cada tipo de público que você deseja alcançar. Lembre-se de que quanto mais contrastante for a relação entre as cores da fonte e do fundo, mais cansativa será a leitura de textos longos. Utilize contrastes fortes apenas para chamar a atenção para links e botões.

2- Destaque os botões

Coloque efeitos para quando o mouse estiver sobre os botões, para que a ação seja perceptível. Não deixe de pensar em como serão as versões de botões inativos e tenha em mente que os botões call-to-action devem ter algum destaque sobre outros elementos em relação a cor e tamanho. Lembre-se de que daltônicos confundem verde e vermelho, por isso escolha bem as cores e os tons utilizados nos seus botões.




3- Saiba quem é o seu público

Conheça o seu público e saiba quais as suas preferências. Ferramentas como o Google Analytics ajudam a entender qual o maior interesse do seu cliente, como ele navega e em qual etapa do processo ele sente mais dificuldade. Reúna essas informações e altere o que for necessário para tornar sua loja um ambiente agradável e familiar.

4- O cliente é quem manda

Permita que o usuário tenha controle sobre a visualização na sua loja, pois isso faz com que ele se sinta no comando. Ofereça várias opções de filtros para refinar a busca apenas com os itens desejados e, se possível, ofereça recursos de customização, como, por exemplo, cadastro de imagem de perfil. Isso ajuda a criar mais proximidade entre o consumidor e a loja.

Função

As lojas virtuais fazem sucesso por simplificarem a vida das pessoas, por isso elas devem ser fáceis de entender. Facilite a procura de produtos e os passos de compra, e não complique o processo com cadastros extensos e desnecessários.

1- Frases curtas

Use frases curtas! As pessoas não vão ler os textos se eles forem compridos.

Em vez de usar “Parabéns, o seu cadastro foi realizado com sucesso! Você receberá uma confirmação em seu e-mail.”, prefira usar “Cadastro realizado com sucesso.” Transmite apenas a informação essencial de forma muito mais rápida e fácil de entender. Essa dica também é bastante válida para os botões: em vez de “continuar pagamento”, use apenas “pagar”.

2- Imagens são mais rápidas

Sempre que possível, associe os pontos importantes da sua página com ícones, pois o cérebro irá identificar a área muito mais rapidamente do que se tivesse que “escanear” apenas os textos na tela. Exemplo: telefone, redes sociais, e-mail, carrinho etc. Mas atenção para não substituir os textos por ícones, pois vários estudos de usabilidade comprovam que a associação de texto e ícone é muito mais eficaz do que apenas o uso de ícones.




3- Ajude o cliente a tomar decisões

Ofereça a forma de pagamento mais atraente para o seu cliente e não para você.

Sugira produtos relevantes na página de detalhes do produto e no carrinho de compras, utilize a própria inteligência da sua plataforma para que esse trabalho de sugestão de produtos seja feito automaticamente e com coerência. Exemplo: quem está comprando um tablet provavelmente pode querer também uma capa para protegê-lo.

4- Só exiba o que for necessário

Não deixe as telas cheias de informações se elas não forem necessárias. Se você já está nas páginas de check-out, não há necessidade de exibir links para o carrinho, lista de desejos, cadastro ou frase de boas-vindas. Em vez disso, dê lugar para o atendimento on-line, perguntas frequentes, prazo de entrega e sugestões de parcelamento com desconto.

5- Sua loja não é um labirinto virtual

Deixe claro como a navegação foi feita para que seja fácil voltar a páginas já visitadas sempre que necessário. Em uma loja física seria o mesmo que identificar as seções com placas para que o cliente encontre o que procura e volte para pegar um produto que já tenha visto.

6- Nunca perca as informações

Em qualquer formulário de cadastro, certifique-se de que as informações digitadas não serão perdidas caso haja algum erro na página. Não há nada mais chato do que ficar digitando as mesmas informações várias vezes. Caso a sua loja trabalhe com cartão de presente, também é importante que a mensagem do cartão não se perca em caso de erro.

7- Se a aparência é igual, faz a mesma coisa

Use a mesma linguagem para as mesmas ações. Exemplo: use o mesmo botão fechar para todas as janelas, o mesmo ícone para o carrinho etc. Nunca use o mesmo ícone para ações diferentes, como uma lupa para realizar uma busca e a mesma lupa para dar zoom em uma imagem. Isso acaba confundindo o cliente.

Aplicando essas dicas práticas, sua loja virtual estará muito mais preparada para o sucesso de vendas.

*Diego Jušinskas é Gerente Comercial da VTEX, empresa de tecnologia para o comércio eletrônico. www.vtex.com.br

Gostou do post? Comente, curta e Compartilhe.

Precisando de ajuda? Clique aqui e saiba como podemos te ajudar.

Web Design minimalista – Princípios

Minimalismo sempre foi uma das praticas mais difíceis no design, principalmente no webdesign. Quando você está procurando por informações na internet, normalmente fica muito irritado por causa do excesso de elementos, que em alguns casos, interrompem o seu fluxo de leitura enquanto navega em um web site, a fim de encontrar o que é mais importante para você – o conteúdo ” menos é mais “ – é o que deve estar na mente de um web designer quando projetar  algo novo para postar na internet.

Como em qualquer outro domínio profissional, em webdesign – a prática leva à perfeição , a menos que você seja um gênio, é claro.  Eu não posso dar qualquer ideia sobe o seu projeto, mas o que posso fazer é ajudá-lo com apenas algumas dicas sobre um projeto limpo de webdesign minimalista, onde o conteúdo é o que deve sempre se destacar.

E por falar nisso, você sabia que design minimalista decolou décadas atrás, na Suíça, sendo aplicada aos meios de comunicação através do design gráfico, música, literatura, pintura e finalmente – web design?



Obedecer ao princípio:  menos é mais

Este princípio é essencial no minimalismo. Evitar um design muito carregado, com muitos elementos que não são realmente necessário. Embora você gostaria que seu projeto fosse melhor do que os outros similares – isso não significa que você deve carregá-lo com elementos desnecessários . Isto também se aplica para o conteúdo que você tem no seu website. Evitar textos longos a não ser que seja exclusivamente necessário. Vá direto ao ponto.

Concentre-se no conteúdo

Além de escolher o conteúdo do seu site, sabiamente, você também tem que levar em consideração o modo como é apresentado este conteúdo. Escolhendo a fonte certa que irá torná-lo visualmente bonito. Felizmente, a Internet oferece um monte de interessante e divertidas fontes para você usar. Você apenas tem que procurar com paciência por aquela que é adequada para o design do seu site.

O espaço em branco é necessário

Esta é provavelmente uma definição exagerada para um princípio, mas na verdade é realmente importante. Mais espaço em branco é menos confusão e é isso que realmente importa em um webdesign minimalista, seja clean. Não tenha medo de deixá-lo lá, ao invés se concentrar em alguns elementos interessantes, que podem preenchê-lo até onde for necessário. O espaço em branco faz com que o usuário possa ler o conteúdo mais facilmente e tenha certeza que é isso que qualquer designer  está procurando.

Use gráficos com um forte impacto

O uso efetivo de gráficos em um webdesign limpo é um passo essencial a tomar. Se você é do tipo artística e está ansioso para usar de diferentes formas gráficos e imagens em seu projeto web, então, faça-o com cuidado. Reunir todas as suas ideias em um ou dois gráficos e, em seguida, utilizá-lo durante a criação do website. As imagens usadas terão que ter um forte impacto visual, quer seja sobre a cor ou a mensagem que enviam. E quando eu digo forte impacto, quero dizer uma série de bom gosto de cores e ideias reunidos em gráficos que não afetem o seu conteúdo. No final cabe a você a escolha se  quiser usar gráficos em seu design minimalista. Cores simples também teriam um impacto forte.



Wireframe único funciona melhor

A fim de criar interesse visual terá de trabalhar em um wireframe único . Você pode demorar mais tempo para criar um wireframe para um design minimalista, porque você vai ter que prestar mais a atenção ao criar a hierarquia. Antes de fazer o wireframe para o seu design, você tem que decidir que conteúdo é essencial. Você também terá que pensar sobre o alinhamento e, em seguida, criar um certo equilíbrio em seu design.

Não se esqueça da usabilidade

No final, isso é a coisa mais importante, depois do conteúdo, como o usuário final se sente quanto a navegação do seu website . Sim, deve ser simples, limpo e elegante. Tente não reinventar a roda quando se trata de navegação. Pessoas estão acostumadas a navegar usando a barra de topo ou do lado esquerdo e quando encontram algo novo, eles às vezes se confundem ou simplesmente descartam.  Quando tiver a certeza que a sua navegação é simples, então vá em frente e introduza-a em seu site.

Sobre as cores e contraste

Alguns designers se atem, simplesmente, ao preto ou branco como uma escolha para o seu design minimalista. Eu diria que qualquer cor do arco-íris pode ser usada, contanto que não afeta o seu conteúdo,que é o mais importante. A cor pode fazer as duas coisas – ajudar o seu conteúdo destacando-o ou torna-lo impossível de ler e se concentrar, por isso esta é uma escolha importante. Pense duas vezes antes de decidir sobre as cores.

Brinque com os contrastes ao implementar seu projeto. Isto pode ajudá-lo visualmente destacando algum conteúdo ou informação que você precisa que seja mais facilmente identificável. Você terá que adicionar o contraste, se você decidir usar mais espaço em branco para um design minimalista mas elegante.

No fim das contas, cabe a você e a sua imaginação de como construir o design do seu website. Mas, recomendo  que você siga algumas regras que já foram provadas ser bem sucedida se você quiser um bom design.

Texto baseado no artigo, princípios de um design clean do blog Design Modo.

Gostou do post? Comente, curta e Compartilhe.

Precisando de ajuda? Clique aqui e saiba como podemos te ajudar.

Como entregar o melhor serviço como web designer

Atendimento ao cliente é tudo, não importa qual seja a sua carreira ou o setor do qual você faz parte. No entanto, quando você trabalha por conta própria, torna-se ainda mais crítico manter seus clientes satisfeitos. Existem inúmeras maneiras de fazer isso, muitas das quais você provavelmente já está familiarizado. No entanto, há sempre espaço para melhorias e uma oportunidade para experimentar novas estratégias, especialmente para clientes desafiadores. Se você continuar lendo, descobrirá como pode oferecer o melhor aos seus clientes como um web designer.

Receba feedback

Como web designer, você precisa usar todos os comentários dos clientes que receber para melhorar seus negócios. O feedback construtivo pode ajudá-lo a fortalecer áreas mais fracas e aumentar sua entrega. Uma abordagem para obter feedback do cliente é enviar um Whatsapp ou um email de acompanhamento.

Obtenha bons planos de hospedagem

Um segredo para a satisfação do cliente é um bom plano de hospedagem. As coisas mais frustrantes para as pessoass é quando eles estão tentando navegar em um site lento. Pense em provedores eficientes, pois você poderá precisar gerenciar vários sites de maneira eficiente.  Além de ter um bom plano de hospedagem, você deve otimizar a velocidade do seu site para manter o carregamento rápido também.



Mantenha a sua palavra

Se você quer impressionar seus clientes e manter-se no negócio o caminho é longo. Tente o seu melhor para manter seus cronogramas propostos e seja sincero e transparente quando você estiver aquém ou não conseguir entregar no prazo. Lembre-se sempre de que é melhor oferecer mais do que entregar qualquer coisa. Seja realista ao definir cronogramas e inclua espaço para eventos imprevistos.

Amplie seu conhecimento

É imperativo que você entregue o melhor que puder aos seus clientes em todos os aspectos do seu negócio. Comprometendo-se a continuar aprendendo e crescendo. Procure por bons cursos, bem como fóruns onde você possa desenvolver suas habilidades e melhorar o seu talento. Além disso, a leitura também ajuda a expandir seu conhecimento. Procure por livros e recursos que possam ajudar. Quanto mais valor você tem a oferecer melhor para o seu negócio.

Superar as expectativas

Os clientes geralmente gostam de saber que você se importa com eles além do dinheiro deles e realmente se preocupa em ajudá-los a atingir suas metas. Para mostrar a eles que você realmente quer ajudá-los a resolver um problema, preste atenção aos detalhes e faça o possível para entregar sempre o melhor.  Trate cada cliente com respeito e estima mostrando-lhes que você valoriza a parceria.

 

Artigo traduzido e adaptado livremente de https://www.orphicpixel.com/how-to-deliver-the-best-to-your-clients-as-a-web-designer/

Gostou do post? Comente, curta e Compartilhe.

Precisando de ajuda? Clique aqui e saiba como podemos te ajudar.