Posts

Qual a melhor plataforma para criar o meu site?

Seja o seu negócio pequeno ou já possua um empresa consolidada e está buscando como divulgar melhor a sua marca aumentando a sua presença no mundo digital, no mercado existem plataformas para criar o seu site, sem precisar de conhecimento técnico em programação.

Criar um site envolve detalhes técnicos, como por exemplo, onde hospedar o site é uma questão muito importante, existem diversas opções que confunde mais do que ajudam.

Para construir um site profissional não é necessário, nem muito dinheiro, nem esforço, nem tempo e, também, não é necessário ser um desenvolvedor web ou tem habilidades de codificação para criá-lo.

Graças a ferramentas como o WordPress, Joomla ou Wix, por exemplo, é fácil para iniciantes terem seus sites.

Plataformas de desenvolvimento

Ter um site na atualidade é muito importante, para ser encontrado na internet e, por esse motivo, o setor de desenvolvimento de sites cresceu muito nos últimos anos.

Esse crescimento também significa mais opções para escolher e analisar, então, qual a melhor plataforma à escolher?

Para simplificar para você vamos te apresentar três opções para que você possa escolher e pesquisar qual usar.

WordPress

O WordPress é a maior plataforma para a construção de sites e blogs mais utilizadas no mundo, tendo duas versões, digamos assim, uma para pessoas comuns que não sabem como instalar e configurar o WordPress.com e para as demais pessoas temos o WordPress.org.

No WordPress.com você acessa o site, cria a sua conta e cria o seu site, de maneira bem simples e começa a usar.

Na versão do WordPress.org, você precisa baixar e instalar em uma hospedagem e fazer as configurações iniciais, dessa forma você tem mais possibilidades na instalação, configuração e modificação do tema escolhido. Essa deve ser a opção escolhida se você deseja maior autonomia na criação do seu site.

Wix

Este é uma outra plataforma de construção de sites do Wix é muita conhecida, oferecendo um plano gratuito, permitindo que com isso que você use o serviço sem precisar gastar dinheiro. Além disso você conta também com um construtor de sites para realizar a tarefa de construir o seu site.

Esta plataforma oferece uma interface básica para manter tudo simples e fácil de usar. Isso é muito bom para quem está iniciando, pois se pode criar um site básico de forma rápida.

O Wix também conta com uma a opção mais completa, com mais funcionalidade para aprimorar a criação do seu site e torná-lo como você deseja.




Joomla

O Joomla, como o WordPress, é bem conhecido no mundo dos desenvolvedores de sites, mesmo não sendo tanto popular como o WordPress, mas oferece as mesmas duas opções: criar um site usando uma plataforma web ou utilizar o Joomla.org e hospedado.

A segunda opção é menos acessível que o WordPress. Ele possui menos opções de navegação nos menus, mas também é uma boa opção para iniciantes

Finalizando

Se você deseja que o seu negócio ou o seu trabalho seja encontrado, é fundamental que você tenha seu site. Porém, se você não possui conhecimento de programação web, com certeza as plataformas para criar sites são boas escolhas, permitindo uma certa autonomia.

Se mesmo depois de conferir nossa lista com algumas indicações de plataformas você ainda estiver com dúvidas, estamos aqui para te ajudar.

Então, gostou do post? Comente, curta e compartilhe

Como Detectar o Tema WordPress de um Site

Às vezes, navegando na internet, encontramos páginas da web que gostamos, então bate aquela curiosidade, queremos identificar todas as informações possíveis e descobrir qual CMS ele usa, se é em WordPress, Drupal, Joomla etc. Qual tema ou template e plugins ele usa.

Claro, não recomendo copiar 100%, mas podemos tomar todos esses dados como referência para criar, desenvolver e construir o nosso próprio site. Quanto mais amplo nosso repertório de recursos técnicos, melhores serão os resultados em nosso projeto.

Descubra qual CMS, tema e plugins usa um site

WPTHEMADETECTOR

O WordPress Theme Detector é um aplicativo online que funciona para detectar o tema do WordPress sob o qual uma página da web está executando. Nome do modelo, licença, autor, versão etc.

O ponto forte desta ferramenta é que ela oferece o nome real de cada plugin, a imagem, a descrição, sua popularidade se for o caso, a informação se o plugin é gratuito ou não, e o link real para o site do plugin.

WhatThemeWPisThat

Esta é uma outra ferramenta online semelhante a anterior, eles podem ser combinados para obter dados extras importantes, para se extrair o máximo de um site.

Gostou do post? Comente, curta e Compartilhe.

Precisando de ajuda? Clique aqui e saiba como podemos te ajudar.

5 tipos de sites que você pode criar usando o WordPress

O WordPress começou modestamente como uma plataforma básica de blog. Desde esse começo “humilde”, ele se tornou uma das plataformas de desenvolvimento de sites mais versáteis e usada no planeta. É usado por todos os tipos de indivíduos e organizações para uma ampla gama de propósitos.

Teste Comparativo

No gráfico abaixo foi feito um comparativo entre as principais ferramentas de desenvolvimento de sites e blogs: WordPress,  Wix, Blogger, Joomla e Drupal, sendo as duas últimas ferramentas desconhecidas da maioria das pessoas. Dessa forma, podemos constatar que a preferida da maioria  é o WordPress.

comparativo-wordpress-wix-blogger-joomla-drupal-miltondesign
Pesquisa feita no Google Trends.

Blogs

O WordPress tornou os blogs mais acessíveis para um grande número de pessoas e organizações em todo o mundo, pois o investimento para esse tipo de projeto é muito baixo. Existem milhões de blog e o WordPress é a plataforma mais usada por trás de uma grande porcentagem desses tipos de sites interativos.

Um blog pode ser usado de várias maneiras diferentes. Ele pode ser usado para promover produtos e serviços e manter o público online atualizado sobre os últimos desenvolvimentos em um negócio, nicho ou indústria.

Sites para empresas

Alguns proprietários de sites WordPress simplesmente querem que as pessoas saibam que estão presentes online e neste caso a plataforma WordPress é adequada para a construção de sites estáticos também, perfeito para empresas de todos os tipos e tamanhos.

Esses tipos de sites geralmente contêm algumas informações básicas sobre uma empresa, os serviços que prestam, detalhes de mídia social, depoimentos de clientes, estudos de caso e uma página para contato.

Esses sites podem ser construídos de forma otimizada para atrair o tráfego dos mecanismos de pesquisa. Os recursos de blog, também podem ser ativados, para que uma empresa possa interagir com outras pessoas online aumentando o engajamento.

Sites de membros

Muitas pessoas gostam de ser mantidas atualizadas sobre os últimos desenvolvimentos em um determinado nicho ou indústria. A melhor maneira de fazer isso é interagir online com pessoas com ideias semelhantes. Outras pessoas, ainda, desejam aprender mais sobre um determinado tópico e estão preparadas para pagar por esse privilégio.

Em ambos os casos, criar um site de membros ou educacional é a melhor maneira de atender às necessidades dessas pessoas. Vários plugins de assinatura do WordPress foram desenvolvidos para permitir que o proprietário de um site crie sites de assinatura gratuitos ou pagos, onde eles podem discutir em particular seus assuntos de nicho favorito ou obter novas informações sobre qualquer assunto.

Lojas de produtos físicos

Configurar uma loja para vender produtos físicos online pode parecer complicado, em um primeiro momento, no entanto, o WordPress e o plug-in WooCommerce tornaram muito mais fácil a tarefa de criar e configurar seu próprio site de comércio eletrônico.

Você pode listar produtos à venda, anotar pedidos, cuidar do atendimento de pedidos e muito mais através de um painel de administração fácil de usar que inclui todas as funcionalidades que você espera encontrar em uma plataforma de e-commerce moderna.

Lojas de produtos digitais

Todo tipo de produto digital pode ser vendido usando WordPress. Os tipos mais comuns de produtos digitais disponíveis incluem eBooks, impressões, diagramas, PDFs, arquivos de áudio e vídeos. Esses itens são simplesmente carregados em um servidor e listados em seu site. Quando alguém compra uma cópia do seu produto digital, faz o pagamento e o produto é enviado por e-mail ou recebe um link para download.

Muitas pessoas ainda pensam que o WordPress é apenas mais uma plataforma de blog, isso a muito tempo não é mais verdade.

Como você pode ver, é muito mais do que isso e pode ser usado para criar diferentes tipos de sites para indivíduos e organizações, o limite será a sua criatividade e necessidade.

Gostou do post? Comente, curta e Compartilhe.

Precisando de ajuda? Clique aqui e saiba como podemos te ajudar.

10 erros básicos na criação de sites

A principal áreas do desenvolvimento web é o web design, e essa deve se comunicar com outras áreas correlatas, a partir de um bom planejamento visual. É o que o web design deve proporcionar: uma boa experiência visual ao visitante do site e o sucesso que se almeja.

Para corrigirmos um problema, é preciso conhecê-los antes; por isso, vamos a uma pequena lista com 10 erros básicos de web design que você deve evitar!


Erros básicos de web design

  1. Usar fontes de difícil leiturabilidade.
  2. Não usar imagens, apenas texto puro.
  3. Textos longos sem parágrafos.
  4. Tamanho da fonte do conteúdo muito pequena.
  5. Elementos em flash, muito pesado.
  6. Texto por cima de background muito colorido.
  7. Cuidados no uso de publicidades.
  8. Popups indesejáveis.
  9. Conteúdo muito intenso.
  10. Links diferente da cor do texto.

 

1 – Usar fontes de difícil leiturabilidade.

O uso de fonte adequada para a leitura confortável é muito importante para manter a retenção do visitante no seu site, todos os outros elementos (imagens, gráficos etc.) são importantes para tornar o conteúdo agradável, mas é o texto que o visitante buscou quando pesquisou no Google, e esse é que deve ser prestigiado, pois, já ouvistes que o conteúdo é o rei.

 

2 – Não usar imagens, apenas texto puro.

Da mesma forma que a escolha da fonte é importante para tornar o conteúdo agradável, o uso de imagem ajuda a dar mais suporte para o texto, tornando-o mais explicativo. Faça sempre uso de imagens quando desejar um texto de leitura mais agradável.

Mas, lembre-se de não usar imagens em excesso, pois, essas determinarão, também, o tempo de carregamento da página.

 

3 – Textos longos sem parágrafos.

Recomenda-se, parágrafos com 4 ou 5 linhas para tornar a compreensão mais fácil, pois, parágrafos maiores tornam difícil a leitura na tela do computador. Dessa forma para aumentar a entendimento do conteúdo do seu site use sempre essa regra.

 

4 – Tamanho da fonte do conteúdo muito pequena.

Qual o tamanho ideal de fonte para a tela do computador? Esse tamanho deve ser a partir de 16 px, o padrão nos navegadores. Fontes muito pequena torna o texto lido na tela muito desconfortável, claro que as pessoas podem aumentar o tamanho das letras no navegador, mas leve em consideração que essa experiência não é prática de todos. Letras maiores tornam o texto mais fácil de ser lido também por pessoas com mais idade.

 

5 – Elementos em flash, muito pesado.

Acredito que você não esteja mais usando banners e outros elementos em flash, mas se ainda o está fazendo, leve em consideração não utilizá-lo mais. Existem outras formas de dar dinâmica a sua página. Se você estiver usando WordPress existem dezenas de plugins que realizam a mesma tarefa.

 

6 – Texto por cima de background muito colorido.

O melhor background para texto é o branco, pois, essa é a relação que as pessoas estão acostumadas na leitura de conteúdo, seja na tela, seja impresso. Mas se você precisa colocar um texto sobre uma imagem de background (fundo), procure sempre usar uma área que permita alto contraste, pois isso facilita a leitura, caso contrário a leitura será muito prejudicada, dificultado a compreensão.

 

7 – Cuidados no uso de publicidades.

Sabemos que alguns blogs sobrevivem de publicidade, nada mais justo, a questão é a quantidade de publicidade que no final, o visitante nem enxerga e que atrapalha a sequência da leitura, com interrupções.

O que se precisa é encontrar um ponto de equilíbrio entre a receita dos Ads e o conteúdo, que é o motivo da visita.

 

8 – Popups indesejáveis.

Em alguns caso, nem bem o visitante entra no site e já lhe pede alguma coisa: likes (curtidas) ou assinatura de Newsletter em troca de uma isca digital (ebook) etc. Sabemos o quanto são irritantes os popup, pois em alguns, até é difícil encontrar o botão (x) de fechar.

Outros só fecham quanto se completa a tarefa, o que é mais odioso, pois, obrigam o usuário a fazer o que não deseja, pois, ele chegou até ali em busca de um informação para solucionar uma dor (problema).

Então, evite ao máximo usar popups a não quando ser estritamente necessário.

 

9 – Conteúdo muito intenso.

Qual o tamanho ideal do conteúdo textual de uma página? Não existe, pois, a página que você está lendo, tem quase 1000 palavras. O que determinará o tamanho é a necessidade do conteúdo, aliado ao bom senso.

Se o conteúdo demanda um texto um pouco mais longo, como no caso de um tutorial, o tamanho pouco importa, pois, se for interessante o visitante o lerá até o final. Se o conteúdo responde a uma questão, não tem razão de ser muito extenso, nesse caso, devemos ir direto ao ponto.

Então, para termos uma ordem de grandeza o conteúdo, digamos ideal, deve ir de 300 a 1000 palavras.

 

10 – Links diferente da cor do texto.

Os três estados principais do link deve ter, pelo menos, duas cores diferente: uma para sinalizar que é um link; a outra para a passagem do mouse sobre ele. O ideal seria uma terceira cor, para link visitado, para o visitante saber que já visitou aquele link e não visitá-lo novamente.

Então, na sua folha de estilo determine os estados do link, ajude o visitante do seu site.

 

Conclusão

Seguindo essa breves orientações você conseguirá uma maior retenção dos visitantes no seu site, pois, tornará as páginas com um melhor design e, por conseguinte, uma maior usabilidade.

Você pode ter mais dicas e orientações no capítulo 6 e 7 do ebook “Crie um blog, site ou loja virtual sem programação” que pode ser lido gratuitamente na Amazon nesse link.

Gostou do post? Comente, curta e Compartilhe.

Precisando de ajuda? Clique aqui e saiba como podemos te ajudar.

Por que preciso ter um site ou estar nas redes sociais?

A internet é hoje a maior e a principal vitrine para venda de produtos ou serviços. Sem muitos esforços uma pessoa consegue encontrar o que deseja; ter informações completas; ter opiniões de consumidores e decidir o que quer consumir, mesmo que a compra não seja feita online, um percentual significativo, mas de 90% das pessoas buscam informações na internet antes de decidir onde e o que adquirir, seja produto ou serviço ou até mesmo lazer. Estar conectado com o seu público é essencial para manter qualquer negócio saudável.

Qual escolher: rede social ou criação de um site?

O melhor é estar presente nas duas opções e buscar estratégias para ambos os públicos. Nós sabemos que as redes sociais facilitam as coisas e é uma ótima opção para divulgação e interatividade com o seu público, porém conversões em negócios, aquisição de produtos e serviços ou mesmo qualquer contratação se dão através dos sites, entretanto, uma ferramenta não exclui a outra, mas sim se complementam contribuindo para o negócio crescer e ser sustentável, pois cada uma tem o seu papel definido no meio digital.

Redes Sociais

Antes da escolha as pessoas na sua maioria buscam informações nas redes sociais que mais estão familiarizadas, como Facebook, Twitter ou Instagram. As redes sociais são ótimas fontes de informações e interatividade e facilitam muito na escolha, no entanto,  as conversões em compras, aquisições ou contratações se dão quase que exclusivamente através dos sites. Uma alternativa não exclui a outra, pelo contrário, a criação de um site fortalece a marca da empresa, contribuindo comprovadamente para fazer o negócio crescer.

Como vantagens das redes sociais são:

  • Para ter uma conta, basta criar um perfil nas páginas oficiais com um e-mail;
  • Os clientes têm acesso rápido e fácil para ver os produtos e serviços, bem como comentar, deixar opinião ou tirar dúvidas;
  • Os brasileiros gastam, em média, 13 horas do dia em redes sociais. Ou seja, a chance de ele ver sua marca é alta, ainda que necessite investir em estratégias pagas.

Criação de um site

Pesquisas demonstram que  mais de 90% dos usuários conectados já realizaram compras online, por se sentirem mais protegidos 70% dos consumidores só compram em sites.

Os sites oferecem a possibilidade da contratação dentro da própria plataforma, como no caso do e-commerce.

Os sites, em suas páginas oficiais, oferecem maior credibilidade, além de ser um ótimo cartão de visitas, para os negócios.




As pessoas se sentem mais confiantes, pois tem informações mais completas sobre o que desejam comprar. Os sites também oferecem maior segurança, a partir dos selos de segurança oficial, garantindo que dados bancários e formulários cadastrais estejam seguros durante a transação da compra online.

A partir dos mecanismos de busca, as pessoas podem localizar o que desejam encontrar. O site estando bem otimizado e bem ranqueado é suficiente para que as pessoas localizem o seu produto ou serviço mais facilmente.

E por último, um site oferece integração com as redes sociais, a partir dos perfis das empresas ampliando a conexão com os seus clientes potenciais em todas as plataformas.

Concluindo

A criação de um site que seja responsivo, ou seja, que tenha elementos que se ajustem aos tamanhos de telas existentes no mercado, com conteúdo útil, facilidade de encontrar e carregar, entre outros pontos, ajuda a sua empresa a aparecer mais e se posicionar melhor no mercado que atua.

Precisando de ajuda com o seu site? Ou mesmo quer ter um? Estamos pronto para te ajudar nessa questão. Clique aqui e saiba mais.

Gostou do post? Comente, curta e compartilhe.

Como Fidelizar Seus Clientes

Seja você uma empresa de qualquer tamanho ou profissional liberal ou autônomo ou seja você ainda um(a) artesão(ã), doceira, pedreiro, enfim, não importa o que faça ou mesmo o seu tamanho, se você depende de clientes para sobreviver, siga as dicas abaixo e o seu sucesso será uma questão de tempo.

Permita que seu cliente entre em contato com você facilmente

Pensando do lado do consumidor, é muito chato quando esse não encontra os canais de contato do negócio, para fazer uma possível reclamação, tirar uma dúvida etc., não existe ou não é encontrado facilmente.

Se você tem um site, um formulário de contato bem visível ou uma opção Fale Conosco de fácil localização já resolve o problema.

Se você não tem site, nem uma fanpage, por exemplo, no seu cartão de visita ou folder (folheto), os canais disponíveis deve estar bem claro e com os horários que possam te encontrar.

Além das formas citadas a cima, também tem-se a possibilidade de ferramentas online, como os Help Desks, dentre outras formas de comunicação online como Skype, Whatsapp, Facebook Messenger etc. Se você optar por algumas das comunicações online, como as citadas, não demore a responder, seja o mais rápido possível.

E não se esqueça que o mais importante nessa interação  é nunca deixar pergunta sem resposta, seja ela qual for.

Surpreenda o seu cliente com algo mais

Existe um tipo de modelo de negócios chamado Modelo Kano, onde a proposta é entregar algo a mais para o seu cliente, algo de valor que seja importante para ele(a) não qualquer coisas, tipo “chaveiro” ou coisa do tipo.

Para efetivamente causar positivo em seus clientes, existem coisas que é viáveis a se fazer: Entregar produto antes do prazo estipulado; Entregar algum tipo de brinde útil, que possa ser usado junto com o produto entregue; Um cupom de desconto para novas aquisições; etc.

Mesmo que esses benefícios gerem algum tipo de custo, isso poderá levar esse(a) cliente a fazer um novo negócio com você, considere esse custo como investimento para fidelizar e manter o seu cliente, pois, um cliente satisfeito sempre volta e, muitas das vezes traz outros.

Incentive para que ele volte

O ato de fornecer cupom de desconto, por exemplo, para clientes que já compraram de você é uma ótima tática, que tem se mostrado uma excelente estratégia de Marketing, onde você incentiva que o(a) seu/sua cliente retorne e faça novos negócios.

Crie um sistema de pontuação que possa ser transformado em alguma coisa de valor para os seus clientes.

Tenha um controle do seu cliente

Existem algumas ferramentas no mercado destinadas a isso como os CRM (Customer Relationship Management) que ajudarão a você a gerenciar os seus clientes.

Essa ferramentas, dentre outras coisas, permitirão a você administrar informações como:

  • Nome, telefone e endereço;
  • Data de nascimento;
  • Quantos e quais itens foram comprados;
  • Quanto ele já gastou;
  • Relatório de reclamações e elogios feitos por esse cliente;
  • etc.

Você pode controlar essas informações em uma planilha excel, por exemplo, mas, se você tem muitos clientes, busque uma ferramenta CRM. Para te ajudar no mercado existe diversas opções, bem acessíveis.

Conclusão

Se você não cuidar do seu cliente, com carinho, o seu concorrente o fará.

E nunca é demais dizer que, ações como as citadas a cima de retenção de clientes, são mais baratas do que ações para adquirir novos clientes.

Gostou do post? Comente, curta e Compartilhe.

Porque ter um site é MUITO importante

Um site é um conjunto de páginas desenvolvidas para ser colocada na internet, podendo ser acessado através de um endereço do tipo www.suaempresa.com.br.  Neste site constarão informações sobre sua empresa, produtos e tudo aquilo que lhe interessar divulgar, além de efetuar vendas, comunicação com o cliente etc.

Por que ter um site é importante?

Porque a Internet não é mais curiosidade, é uma necessidade de qualquer negócio estar neste novo meio. Além disso, a Internet é o veículo de comunicação mais rápido e barato de divulgar, vender, anunciar e acompanhar as demandas dos seus clientes.

Com o aumento da interatividade, segurança e velocidade, aliado à redução dos preços cobrados pelo acesso à rede, a Internet deixou de ser um mero instrumento de pesquisa para tornar-se uma ferramenta de marketing e vendas muito poderosa.

Pode-se dizer que a Internet é o canal de divulgação e vendas que mais cresce no Mundo. Só no Brasil são  milhões de Internautas, que diariamente estão procurando a solução de suas necessidades e desejos.




Existem milhares de maneiras de se usar um site para diversas finalidades. Os sites Web são multimídia – podemos ter texto, imagens gráficas, áudio e vídeo e são interativos – pode se escolher o que se quer ver na ordem desejada. O principal limite (fora os custos) para o que um site pode fazer, é a imaginação. Abaixo, alguns exemplos de usos dos sites:

Propaganda: um site Web é a sua presença na mais recente das mídias. Como mídia, a Internet é interativa, instantânea, de baixo custo e grande abrangência potencial, além de estar na moda… Não deixe seu cliente visitar o site do seu concorrente e não encontrar o seu…

Serviço ao Cliente: sites Web podem ser usados como atendimento ao cliente 24 horas por dia. O site pode conter instruções de uso de seus produtos, explicar os seus serviços, responder às perguntas mais frequentes de seus clientes, receber pedidos e cotações, coletar sugestões e críticas dos clientes, etc.

Escritórios e Lojas Virtuais: seu site Web pode desempenhar essas funções, mostrando seus produtos e serviços com explicações, fotos, vídeo e som. Ele pode inclusive receber pedidos dos clientes. Seu escritório ou loja virtual abre 24 h por dia para milhões de pessoas ao redor do mundo, e você não tem de contratar vendedores para sua loja virtual nem atendentes para os escritórios virtuais.

Publicação on-line de revistas e jornais da sua empresa: sem custos e de fácil atualização.

Catálogos Eletrônicos: use versões digitais de seus catálogos e manuais de produtos. Seus clientes podem solicitar seus catálogos eletrônicos 24 por dia e recebê-los imediatamente, atualizados sempre que necessários. Sem custo de impressão e sem custos de envio.

Quanto custa ter um site?

O preço de um site depende da necessidade do cliente, do projeto a ser desenvolvido, mas por certo é mais econômico do que os custos que a empresa gastaria com folders, além de possuir muitas vantagens sobre todas as mídias impressas.

O que não se pode fazer num site?

Quando você lê um jornal, é automaticamente atraído para anúncios bem feitos, coloridos e explicativos, ao mesmo tempo em que ignora completamente os anúncios mal-feitos (ou os olha para apenas pensar: “Que anúncio horrível. Lembre-se de nunca comprar nessa empresa”). O mesmo acontece com a Internet. Sites mal elaborados (onde o usuário tem que dar mil voltas para achar a informação que deseja) e com gráficos mal-feitos servem apenas para afastar clientes de sua empresa.

Não é mais possível pedir ao “sobrinho do seu amigo que entende de computador” para fazer um site para sua empresa. Um site é a imagem de sua empresa na internet e, assim como você não compareceria à uma reunião de bermuda e camiseta, seu site deve ser o mais bem elaborado possível.

Gostou do post? Comente, curta e Compartilhe.

Precisando de ajuda? Clique aqui e saiba como podemos te ajudar.

O que é e como funciona o WordPress?

O que é WordPress?

O WordPress é uma plataforma semântica de vanguarda para publicação pessoal ou profissional, com foco na estética, nos Padrões Web e na Usabilidade. Ao mesmo tempo é um software livre e gratuito, sendo hoje a maior plataforma de Gerenciamento de conteúdo do mundo, com mais 90% do mercado.

O WordPress foi desenvolvido seguindo boas práticas de desenvolvimento, incluindo acessibilidade, apresentação separada do código fonte (HTML + CSS), possui um dos editores de HTML que menos gera impurezas, e dezenas detalhes técnicos que, se somados, fazem toda a diferença na hora da publicação do conteúdo do site, blogs e e-commerces.

O WordPress é para você?

Além do mencionado anteriormente, a plataforma WordPress, por ser de fácil utilização/manutenção, não precisa de nenhum programa de edição de código HTML, nem de experiência em programação, pois tudo acontece dentro de um navegador web, em um editor muito fácil e intuitivo de trabalhar, permitindo a você mesmo fazer as atualizações no conteúdo, além de outras informações que julgue importante em seu projeto.

Conheça mais o projeto WordPress.




Colocando a mão na massa…

Chegamos ao momento de colocar a mão na massa e criar o blog. Supondo que você já contratou a hospedagem, registrou o domínio, o próximo passo é instalar o WordPress e dar os primeiros passos dentro do CMS, para tal, gravei alguns vídeos que te auxiliarão nessa fase inicial.

Os vídeos abaixo, certamente não esgotarão o assunto, pelo contrário, requererá que você continue a explorar o software por você mesmo, dentro das suas necessidades específicas.

Os vídeos vão cobrir os assuntos:

  • Instalando o wordpress
  • Configurações Iniciais
  • Painel de Administração
  • Posts (categorias e tags)
  • Páginas (tipos de página)
  • Comentários
  • Usuários
  • Categorias
  • Tags
  • Instalando Temas
  • Menu
  • Widgets
  • Plugins

Os vídeos poderão serem assistidos no Learn Cafe, gratuitamente, onde ao final você terá um diploma de participação.

Você ainda poderá aprender muito mais em nosso e-book na Amazon: Blogs que vendem: Aprenda a criar e se relacionar com o seu público.

Gostou do post? Comente, curta e Compartilhe.

Precisando de ajuda? Clique aqui, podemos te ajudar.

 

7 benefícios de um site eficaz

Quais são os benefícios de um site eficaz?

1. Impacto visual

Nem todos podem pagar por publicidade em TV, Jornais ou mesmo revistas, ao contrário um site fornece um elemento único disponível 24 horas por dia, estando disponível para qualquer pessoa que tenha acesso à internet, coisa que hoje é corriqueira, sendo este um ativo muito valioso para um mix de marketing eficiente.

2. Pode ser encontrado através de mecanismos de busca

Existe uma grande possibilidade de você ter chegado a esta postagem na MDESIGN através de um mecanismo de busca como o Google, por exemplo, de todo o trafego que recebemos em nosso site mais de 90% vem desses mecanismos, sendo desta forma que você pode direcionar os seus visitantes que estão ativamente procurando por serviços ou produtos como os seus, para o seu site. E o mais importante sem mais um investimento adicional.

3. Está sempre disponível

Não existe outro meio de comunicação tão eficiente como esse, você já sabe disso. Os custos para a criação de um site e colocá-lo online, são muito baixos perto dos benefícios que se tem com ele. Uma outra grande vantagem é que um site pode ser visitado em qualquer momento que seja mais conveniente para o seu consumidor, independente de ser dia útil, final de semana ou mesmo feriado, não fecha nunca e pode ser acessado por diversos tipos de displays desde smatfones até webTV, isso é poder.




Um site é interativo

Tivemos uma época que a maioria dos sites era uma reprodução dos folders (folhetos) de uma empresa, isso já era um grande avanço, mas com o avanço das tecnologias isso mudou drasticamente. Hoje os visitantes tem a capacidade de controlar e interagir com um site, isso é mais significativo nos blogs e nos e-commerces (lojas virtuais). Vcê pode fazer um tour virtual, girar ou ampliar objetos, fornecer um feedback direto, entrar em contato via formulário ou chat online, seguir em redes sociais etc.

Um site com conteúdo segmentado para cada tipo de visitante

Todas as necessidades dos visitantes devem ser percebidas através de um projeto eficaz. Com uma segmentação adequada, você tem mais atenção dos seus visitantes, porque eles já se mostraram interessados nos seus produtos ou serviços fazendo uma simples busca no Google.

Sites são facilmente atualizados

Ao contrário dos materiais impressos, que precisam de muito cuidado e atenção na hora da impressão, pois além disso ficam desatualizados com muita constância, os sites podem ser alteradas em poucos instantes e a qualquer tempo ou hora. Além disso, seus custos de produção/alteração são infinitamente menores que em outras mídias. Sem falar que em um site você pode oferecer conteúdo multimídia como vídeos e podcasts ou ainda disponibilizar qualquer material gráfico para download.

Um site eficaz melhora a relação com os clientes

Afora ao que foi dito anteriormente, hoje um cliente quer ter autonomia na busca do que precisa e um site é o melhor lugar para isso, existem inúmeros benefícios que um site pode oferecer, além dos comentados, para estreitar relações com seu cliente potenciais.

Estes são apenas alguns exemplos:

  • Os clientes podem tomar uma decisão de compra melhor, pois se eles estão decidindo entre a sua empresa e um concorrente, o seu site pode fazer a diferença entre quem fica com o negócio.
  • Ele também fornece uma maneira para que os clientes se beneficiem após uma venda, pois se você fornecer informações extras sobre seus produtos ou serviços, isso pode seduzir seus clientes a sempre comprarem de você, por confiarem mais nas suas informações.

Existem muito mais benefícios em ter um site eficaz do que os que foram listados aqui. Se você já possui site que não está atendendo às suas expectativas ou você não está recebendo os benefícios que gostaria de estar recebendo, acreditamos poder ajudá-lo nessa questão.

Gostou do post? Comente, curta e Compartilhe.

Precisando de ajuda? Clique aqui e saiba como podemos te ajudar.